Abre o meu cuzinho abre

1 min 29 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

visualizações

1 min 29 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

Abre o meu cuzinho abre

Abre o meu cuzinho abre

O Carlos sentou na poltrona e ficou so olhando.

O cara era alto, moreno, discretamente fora de forma, peito bem peludo e com um pau grande e grosso.

Rodrigo me dava tapas na bunda e puxava meu cabelo do jeito que eu gosto, enquanto metia e enfiava o dedo no meu cuzinho. Ela não teve, aliás, nunca teve, qualquer problema em deixar que pessoas vissem fotos dela nua ou seminua.

Ela era mais alta do que eu, mas não muito mais.

Tentou lembrar de algum amigo e acabou lembrando do Paulino, um negão que ela conhecera no sítio de alguém… custou a lembrar, mas era uma amiga dela, telefonou, ficou sabendo que o Paulino ainda trabalhava lá. Eu rebolava e deixava ele ainda mais louco de tesão. Ao chegarem, ele deu uma rápida olhada e entraram na casa. Vc gozou mais uma vez, já tinha muita gente.

Nem queria acreditar que aquilo tinha acontecido estava com vergonha de a encarar.

– E tem sido assim, todos os dias?– No primeiro dia foram quatro, ontem e hoje três.

Enfiei a mão dentro da calça e comecei a massagear, e ele a minha buceta. E então continuou: – SEI QUE SEUS PRIMOS ME AMAM… HUMMM! PODE PARECER ESTRANHO, MAS TO ADORANDO SABER QUE ELES ME DESEJAM E QUE POSSO SER UMA PUTINHA PRA REALIZAR AS FANTASIAS DELES SEM PERDER O RESPEITO, OU SER TAXADA POR ISSO… HUMMMM! SEI O QUE VOCÊS FIZERAM NO OUTRO DIA, DEIXA DE SER BOBA E VEM APROVEITAR COM A GENTE, SEM PESO NA CONSCIÊNCIA POIS SEU TIO GILSON, VAI SABER DISSO TUDO… METE NA TITIA, SAFADO! Ela repetia olhando maliciosamente pra Gabi, que me fuzilou com o olhar. Antes que vocês se perguntem:não,não me separei do Bruno.

Seu olhar para mim era quase a de um psicopata querendo matar sua vítima.

Comecei a beber e dançando conforme a musica tocava depois de um tempo bebendo esqueci ate q estava de saia rebolava ate o chao um colega ficava me olhando naoo tirava os olhos da minha calcinha,quando percebi fiquei meio sem graça e parei de dançar e como já era tarde da noite ele me ofereceu uma carona pois morava na rua em baixo da minha só ia deixar a prima dele em casa q estava bêbeda. A partir dai, foram várias posições, sendo cada uma melhor que a outra.

Não aguentei muito mais e gozei maravilhosamente, me perguntando que menina era aquela que conseguia me deixar daquele jeito.