Casada Novinha Em Ar Livre Recebe Gozada Depois De Cavalgar E Sentar Com Forsa

Casada Novinha Em Ar Livre Recebe Gozada Depois De Cavalgar E Sentar Com Forsa

Casada Novinha Em Ar Livre   Recebe Gozada  Depois De Cavalgar  E Sentar Com Forsa

br/?zx=2cf788ade5d21613Já havíamos realizado todas as fantasias possíveis:orgias,estupro,sexo ao ar livre…O que mais poderia estar faltando?Não curto zoofilia ou sadomasoquismo,embora goste de uns tapas na bundinha,mas não gosto de apanhar. Meu amigo chegou alguns instantes depois, e viu sua irmã deitada com a cabeça no meu colo, pediu pra ela levantar as pernas pra ele sentar também.

Eu estava com muita vontade de entregar meu pau aos cuidados da Letícia,pois eu sabia que ela cuidaria bem dele,mais disse que ela é minha cunhada,irmã da minha mulher,e disse que ela também é casada,mais ela disse que não tinha nada de mais,e afinal eu disse que seria um grande amigo pra ela,no qual ela me lembrou.

E se prepararam para receber o primo, que, aliás, estava um gato!Assim que ele chegou, sentaram com ele no sofá, uma de cada lado e começaram a lembrar das brincadeiras.

No meu trabalho entrou uma novata, novinha, muito bonita e daquelas que quando bem estimulada topa qualquer coisa, nos conhecemos e fomos nos aproximando aos poucos, nunca menti pra ela sempre disse que era casado, mas mesmo assim não conseguíamos ficar longe um do outro, ela sempre me provocando e eu resistindo, um dia ela faltou no trabalho, quando estava na hora de ir pra casa ela me ligou, disse que queria falar comigo com urgência, liguei pra minha casa e avisei que chegaria mais tarde. Logo depois da gozada senti meu pau começando a ficar flácido , embora continuasse duro o suficiente para ficar ali , aproveitando aquele calor maravilhoso que só se sente dentro de um cuzinho. Voltamos excitados para o corredor e voltamos pra sala de casais, sendo que novamente fui agraciado com uma chupeta maravilhosa, que me deixa excitado só de lembrar, sentei no sofá e a fiz sentar de costas no meu pau e ficar subindo e descendo enquanto olhávamos um grupo que entrava na sala e que começou a se pegar na nossa frente, não dava pra saber quem estava com quem, mas apenas as mãos passando entre si e as camisinhas sendo colocadas e dispensadas 5 minutos depois.

Tratou de sentar e cavalgar, seus longos cabelos esvoaçavam, Amauri olhava embevecido para ela.