Corno Punhetando E Guiando A Pica Do NegÃo Na Buceta Da Esposa

Corno Punhetando E Guiando A Pica Do NegÃo Na Buceta Da Esposa

Corno Punhetando E Guiando A Pica Do NegÃo Na Buceta Da Esposa

ele concordou e foi ate o quarto dela chamou e entrou. – Falei Serio olhando nos olhos de minha irmã-Tu esta falando serio Rodrigo?– Estou. Voei para o pau dele com muita vontade, punhetando com ele beeem pertinho do meu rosto.

Enfim livre e agora toda nua ela aproximou-se segurando o seio direito e guiando-o até minha boca. Ai fomos embora, com essa cena na mente.

"– Ah então foram vocês que chamaram? Que legal! Não vou mais jogar.

Ele recolheu todos e eu acompanhando. Gozei ouvindo minha mulher me chamando de corno enquanto era fodida por outro macho, eu não poderia estar mais feliz. Ao entrar no quarto o negão me jogou na cama e tirou minha roupa, me deixando apenas de calcinha. Me perdi no tempo pois quando me dei por conta ele jorrava novamente seu líquido sobre mim, desta vez o esporro levava o primeiro jato por todo meu antebraço e o segundo espirrava na minha barriga, o terceiro já era mais mirrado, apenas sujava minha mão, mas era o suficiente para engolir qualquer gemido dele e o fazer cair sentado no chão, arfando. Agora meus deliciosos ^_^ estou indo ate o proximo conto-Então…quer experimentar esse espetáculo de mulher?"Olá me chamo Diogo e hoje vou contar a historia da minha esposa Bruna. Não terminamos e os carinhos voltam. Marlene, bem ao nosso lado, ao lado da cama, ao filmar o boquete de Sandra mais de perto, ficou com sua bunda virada para mim. Percebi que o tinha nas mãos.

morrendo de vontade de gozar, me achando a soberana na boca dele que estava lá só pra me servir!-AAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH, NÃO FAZ ISSO COMIGO PRETO SUJO, NÃO METE ESSA PICA GIGANTE NA MINHA BUCETA, MEU MARIDO NÃO DEIXA… MEU MARIDO VAI ME BATER POR QUE TÁ ME VENDO DAR PRO NEGÃO. Depois de um tempo eu e meu namorado fomos para varanda ficar só nós dois.

Me receitou alguns cuidados,como me abster de sexo até o terceiro mês,mas não obedeci.