Esposa Dani Fudendo de ladinho na piroca grande do amigo

351 visualizações

29 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , ,

351 visualizações

29 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , ,

Esposa Dani Fudendo de ladinho na piroca grande do amigo

Esposa Dani Fudendo de ladinho na piroca grande do amigo

Iria ao teatro com ela e amigos, depois sairiam para beber, Daniel e Ana Paula teriam umas quatro horas para ficarem a sós na casa deles.

– Nós vamos ver o casarão?Minha esposa então tira o sutiã e o coloca sobre a cama, nesse momento minha esposa fala – olha o que fazendo, estamos viajando a tantos dias que esqueci que nosso amigo estava aqui, deu um sorriso meio sem graça, então ela peladinha se agacha para pegar a calcinha recém jogada ao chão, nesse movimento sua bunda se abre e exibe aqueles lábios gostosos e depiladinhos, quando ela vai fazer o movimento de colocar a calcinha, então vendo uma oportunidade de realizar nossa fantasia, peguei a calcinha de sua mão e falei, agora não precisa mais amor, agora ele já viu tudo, e dei uma gargalhada, que foi acompanhada com menos empolgação pelos dois, que estavam sem graça. Ela talvez tentando fugir da situação se virando para frente, olhou para nós dois sorrindo, mas meio desconcertada, tomou alguns goles de cerveja e se levantou, nos mostrando todo seu corpo nu, e aquela bucetinha com apenas um detalhezinho de pelos sobre o clitóris, com a lata na mão ainda, abaixou para larga-la ao chão, com a bunda virada para nós, pudemos ver aquele cuzinho depiladinho e aquela xaninha rosada se abrindo quando fez o movimento para se abaixar, minha rola quase explodiu de tão dura, ela olhou para a Rola do Sílvio e se espantou com o tamanho que ela tinha e parecia uma vara de tão dura, olhou ao redor e caminhou até a beira da água, se virou e acenou para nós fossemos com ela nadar, ela era dona da situação, iríamos fazer o que ela mandasse e eu aceitaria tudo, agora era ela que iria impor os limites. Mas não conseguia ficar tranquila, então resolvi ligar na empresa e disfarcei e perguntei se o Marcelo, pai do meu namorado estava la, a secretaria disse que tinha saído a pouco tempo e que voltaria somente no próximo dia, então falei que era uma cliente e que depois voltaria a ligar, meu tesão foi millllll, juntou consciência pesada excitação ao mesmo tempo, estava deitada de costas pra janela então peguei meu celular e pelo vidro comecei a observar se via algum movimento no rumo da janela, pra minha surpresa, a janela estava um pouco mais aberta e pude ver que tinha um movimento, com certeza era meu sogro, com medo e tesão resolvi ficar ali tomando sol e com certeza meu sogro estava apreciando meu bumbum quase nu, e ele estava a uns 4 metros de mim, pois a janela não ficava distante de onde estava tomando sol, então tive a ideia de dar um zumm e firmar disfarçadamente no rumo da janela, coloquei meu celular do meu lado e deixei filmando por mais ou menos 4 minutos, ao conferir as imagens pude ter a certeza, era meu sogro, estava com camisa branca como tinha visto quando fui pegar a chave, e para minha surpresa na filmagem do celular dava pra ver que ele estava se masturbando pelo movimento do braço, minha bucetinha molhou na hora, tesão a flor da pele, sabia que estava somente nos dois, a vergonha tinha acabado e a vontade de ser possuída era enorme, resolvi tomar uma ducha e com óculos escuro, fiquei olhando disfarçadamente ele me olhando pela fresta da veneziana, quando entrei debaixo da ducha comecei a passar a mão pelo meu corpo, fiquei de costa pra ele e com meu biquíni totalmente enfiado, pois era somente um fio atrás inclinei o corpo como se fosse lavar meus pés e abri sutilmente as pernas pra ele apreciar bem, senti o fio do biquíni entrar no meu cuzinho e na minha bucetinha, quando caminhei em direção ao local que estava deitada, percebi que o biquíni tinha deixado os lábios da minha bucetinha de fora, e os bicos do meus seios estavam quase furando o fino e estreito tecido da parte de cima do biquíniEntão deitei virada pra cima e abri as pernas pra ele olhar a norinha cheia de tesão, olhei pra minha bucetinha toda depiladinha exposta pro meu sogro, estava louca de tesão, de óculos escuro fiquei so olhando meu sogro movimentando dentro do quarto, com certeza ele estava massageando o enorme cacete, que segundo seu filho falou que ele possuía, de repente meu namorado liga, eu atendo e ele pergunta como estava tomando sol, falei que estava pegando fogo de tanto tesão que o biquíni tinha me deixado muito tesuda que estava louca pra ele voltar para transarmos, meu namorado enlouqueceu do outro lado da linha, ai tirei uma foto do meu corpo com o biquíni deixando toda minha xaninha de fora, quando ele recebeu a foto ele disse nossaaaaaaa, que tesão, ai ele falou cuidado que meu pai chega as 18:00h e se ele te ver aí desse jeito vai pegar mal, então eu disse vai pegar mal mesmo pois estou 99% nua esses biquínis são uma loucura, e pior que adorei usar, ele sorriu e disse, mas cuidado com meu pai, então eu perguntei se ele me visse assim será que ele ia gostar, meu namorado respondeu se ta louca pela foto levanta um cacete até de um velhinho de 100 anos, aí eu brinquei será que levanta mesmo, e se o velhinho for pintudo igual seu pai, aí ele sorriu e disse , qualquer pau, ai ele emendou meu pai há dois meses tava pegando uma moça aí em casa e fudeu ela tanto tempo que fiquei ate com inveja, a moça gemia e gritava tanto que acabei batendo uma, aí chamei ele de safado, e terminamos a conversa, minha xaninha toda olhadinha de tesão e meu sogro so me filmando pelo quarto, então resolvi provocar pulei na piscina dei uns mergulhos deixando meu bumbum pra fora da água e quando sai fiquei de quatro com a bunda bem empinada em direção ao meu sogro, fiquei nessa posição uns 30 segundo e comecei a passar bronzeador pelo corpo, de repente ouvi uns gemidos fortes e abafados vindo do quarto, era meu sogro gozando gostoso, então não aguentei de tesão e fui para o banheiro e bati uma,e tive um orgasmo intenso, imaginando meu sogro gostoso pintudo me fudendo, depois voltei recolhi minhas coisas e fui embora. A cadela estava no cio, por isso senti que estava procurando um macho para acasalar! Meti um dedo nela e a cadela começou a se tremer, não sei se era de medo ou tesão por eu esta mexendo nela! Eu preparei a cadela pra mim fazer uma putaria legal com ela! Desliguei o chuveiro, levei ela pra dentro de casa, sequei com um pano de chão limpo, depois puxei o traseiro dela levantei as patas e dei três palmadas violenta no formato de sardinha chulipa de quatro dedos na bucetinha carnuda da minha cadela, para amedrontar à não tentar me morder, pois a cadela era muito grande de um porte forte, e percebi que cada palmada que eu dava ela dava uma mijada em formato de jato.

Quando entrou tudo, ele começou a meter forte… Comecei a gozar pelo cuzinho e pela buceta, ele aproveitou e meteu dois dedos na buceta, fazendo uma dp comigo, o que eu adoro, me sentir preenchida… Eu gozei feito louca, não aguentava minhas pernas, tremiam muito e ele continuava até que senti um jato quentinho dentro de mim… Ele gozando, gozei junto… Ele tirou a piroca, me virou e falou que ainda tinha porra, me sentou e começou a me dar um banho de porra, me maravilhei com aquilo, ele sentou na minha cadeira seu pau ainda estava com porra escorrendo, me ajoelhei e comecei a chupar, lamber, limpar o pau dele todo e eu cheio de porra no corpo, ele pediu pra eu espalhar, comecei pelos peitos, barriga, rosto… Tudinho com porra.