Fodendo o cú da negrona gostosa

995 visualizações

5 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , ,

995 visualizações

5 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , ,

Fodendo o cú da negrona gostosa

Fodendo o cú da negrona gostosa

– Mamãe… Sou eu… Sua filha… Por favor, venha me buscar. Lambi rápido seu clitóris, até que parei e apenas pressionei ele com a língua.

Ah, que vontade dessa pica, e que vontade de apanhar. Ao sentir o focinho gelado do animal ela deu um grito, beijei a boca dela para silenciá-la, o cachorro ficou louco, enfia a língua descompassadamente na buceta dela com uma velocidade espantosa, ela me apertou firme os ombros e pude perceber seu gozo intenso, enquanto a pica do animal fora da capa de pelos tentava achar um buraco pra entrar dentro. Ajudada pela chupada em sua boceta, Patrícia logo rebolava na cara da amiga, entregue ao prazer dos dedos mágicos dessa.

-Vamos pro meu quarto, acho que lá vamos ter mais privacidade-ele disse no meio de beijosNem respondi, apenas deixei ele me guiar escada acima. Começamos então a gostosa chupação. A ideia foi aceita e fiquei ainda mais molhadinha. Nossa sapatão deixou de se-lo,e alguns meses depois nos apresentou o namorado.

caramba, vc comeu um viado, (e já emendei sem pensar a pergunta)… e comeria de novo.

– Isa agora se compadecia, alisava o rosto do namorado e dava selinhos nele. -Então você aceita um novo desafio?-Aceito sim.

Aí Paulo veio por trás e passou KY em seu cuzinho,ainda cheio da minha porra.

Seu perfume caro já se havia misturado ao cheiro do nosso suor e de sexo.

Esse cara poderia ter me ferido!! Aquela tinha sido a pior experiência que já vivenciei.

Então, vá agora e volte amanhã.

Permanecemos não sei quanto tempo fodendo.

Eu estava nu batendo uma punheta, cada vez que ia gozar eu parava, segurava e apreciava a minha esposinha dando como nunca. abraços a até próxima…Cada movimento que ele fazia me levava a um lugar diferente, o meu corpo entrava em ebulição. No caminho ele não parava de me elogiar enquanto colocava o pau para fora. Pegando de leve no ombro dele eu o chamei, mas ele não acordou, o chamei outras vezes e ele continuava dormindo.