Fudendo o cuzinho da esposa no motel sem pena socando no rabo da gostosa

966 visualizações

4 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

966 visualizações

4 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Fudendo o cuzinho da esposa no motel sem pena socando no rabo da gostosa

Fudendo o cuzinho da esposa no motel sem pena socando no rabo da gostosa

O amigo continua fudendo ela com força, e batendo na bunda dela, ela anuncia que vai gozar novamente aos gemidos, e nessa hora o amigo também fala que vai gozar, os dois gozam deliciosamente.

Depois ele me mandou ficar de quatro, passou KY no pau e no meu cuzinho e encostou a cabeça do pau no meu cuzinho.

Cheguei por trás dela agarrando sua cintura fazendo meu pau se encaixar na sua bunda farta, ela solta um suspiro e fala:"Primeiramente gostaria de dizer que o que eu vou relatar aqui é real, portanto não vou citar nomes, nem o meu próprio, pois sou um médico já um tanto quanto conhecido aqui na minha cidade.

Pra mim foi como receber a chave do cofre, então comecei a frequentar a sua casa, em todos os finais de semana e era só eu chegar, que o seu marido não tirava os olhos de cima de mim, eu sentia que ele me comia com os olhos, minha irmã fazia de conta que não via e muitas vezes ela nos deixava sozinhos e ia pro quintal ou pra cozinha para fazer alguma coisa e demorava para voltar, nesse meio tempo, seu marido me agarrava, me em cochava, me apertava no seu pau duro e falava coisas muito gostosas no meu ouvido, aquilo me deixava excitada e molhadinha de tesão. Depois de ficar pondo e tirando a piroca do cu dele eu comecei a sentir aquela sensação que a porra tava vindo.

Não posso garantir o que teria acontecido no quarto deles durante a noite…Mas acordaram dispostos a mais trepadas. Pensando que sua esposa o estava distraindo, Gil se aproveitava toda hora pra encher a taça de Ruddi.

e ela perguntou se foi bom. Como é que ela nunca tinha reparado no Adão? Ali, pertinho, à sua disposição e com aquela energia e competência toda…Ela meio que desconfiada aceitou e então seguimos pro motel, chegando lá pedi que esperasse no carro pois queria colocar a hidro pra encher, liguei o som do carro e deixei ela lá quieta.

Eu apoiava as mãos no seu peito e ele me segurava pela cintura, socando cada vez mais rápido.