Gozando na boca da colega de trabalho

Gozando na boca da colega de trabalho

Gozando na boca da colega de trabalho

Fiquei imaginando a coisa lógica: o maridão não gostava que ela se correspondesse com outros homens, ainda mais com um antigo colega de faculdade. ele entao mandou eu ficar de 4, eu nao sabia se aguentaria aquele pau, apesar das brincadeiras que tive e do pau nao ser grosso, nao tinha “usado” nada tao longo assim ainda.

Gritei e gemi o nome do Ayan igual a uma putinha, tendo espasmos e gozando junto ao Ayan! Gozando com aquele amigo que agora era meu macho! Gozamos muito! Gozamos juntos! Após gozar a minha mente ficou preta, não consegui pensar em mais nada e adormeci. Os movimentos eram sincronizados, que delicia. Ele gozou e tentou sair, mas eu não deixei; engoli a porra dele e continuei chupando até ele gozar de novo. Ele se curvou sobre uma cadeira expondo seu cu apertadinho e quente prá mim…o cara tava afim mesmo pois fez um movimento para trás que fez meu pau enfiar de uma só vez no seu cu. tomamos um banho e dormimos no outro dia que falamos"Estou casado há 8 anos, sempre tive uma boa vida sexual com minha esposa, tive umas pequenas aventuras nesse período mas pelo que eu sabia ela nunca tinha feito o mesmo, bem, isso é pelo eu que pensava.

Eles teriam que simular um assalto. quase amassando minhas bolas, fazia tudo sem falar nada, como se estivesseEste é mais um relato da série de “primeiras vezes” que venho publicando neste site e que são produto de vários depoimentos que colhi para um livro, que infelizmente nunca foi publicado por falta de apoio.

Queria sentir o gosto do seu orgasmo!Ao mesmo tempo que chupava, enfiava os dedos bem no fundo fazendo Amanda dar gritinhos de prazer. brKant Cantilai como adoro ele!Ola , vou contar uma historia veridica que me aconteceu a uns meses atras.

Foi só mais tarde, já no aeroporto que tivemos um momento sozinho os dois.

Acho que um mulher que estava numa parada viu, ela olhou e ficou encarando meu mastro erguido, se exibindo pela janela. "Antonio mamava nos pequenos seios da sobrinha e sentia ela fazer o trabalho inteiro sozinha, quicando rápido no seu colo, olhando nos olhos do namorado.

Então um dia, meus pais resolveram ir para um clube no fim-de-semana.