Japinha Dando E Gemendo Gostoso

Japinha Dando E Gemendo Gostoso

Japinha Dando E Gemendo Gostoso

Pediu q eu passase uma pano no aparelho de som enquanto ela pegava o lixo.

Após algumas horas já depois de ver bastante coisa comecei a conversar com uma japinha bem gordinha na fila da lanchonete. Meu sogro era um garanhão e me comia como se fosse um garoto de 19 anos. Estava gastando e acabei gemendo de tesão. Depois de um longo minuto, gozei gostoso demais na boca dele.

Assim já fui ficando por cima dele encostei meu pau babando na bundinha dele, foi logo me tanto tanto tesao que já estava explodindo. E disse nossa kell eu sempre me cuidei dos meus seios porq axava eles lindos mais os teus sao demais me deu ate vontade de apalpar ou xupar eles, aquelas palavras foram musicas no meus ouvido e ate gelei na hora mais eu disse eles sao todo teu faca o que quizer, entao ela colocou a mao e comecou me acariciar, eu ja tava enssopada de tanta exitacao e tremia muito sentindo aquela mao mim, ela me olhou e viu minha bok tremula e me deu um beijo tao demorado que eu nunka tinha sentido um beijo daquele, foi o suficiente pra eu me transformar numa puta tarada pra ela e tirei o sutian dela e xupei como uma doida os seios dela e ela gemia e pedia pra que eu nao parace deitei ela na cama e joguei um pouco de vinho no seu corpo e escorreu ate na buceta e eu pra nao perder nada fui bebendo aquele vinho e xupadando a buceta dela que ja nao sabia se tava molhada de tesao oi do vinho cai de bok naquela buceta lizinha xupando e sugando o grelo sem perder nenhuma gota daquele mel delicioso e ela gemia e rebolava na minha boka dando umas travadas cruzando as pernas sobre minhas cabeca como se quizesse meter minha cabeca dentro da buceta nossa que loucura que tava, ai ela me puxou e comecamos um 69 maravilhoso ela parecia que ia me engolir e eu a ela ate que senti aquele caldo escorrendo e ela gritou que tinha gozado duas vezes.