Na bundinha – Amador

Na bundinha – Amador

Na bundinha – Amador

Ele falou para mim ” nenhuma mulher resiste a esse negão aqui” e já foi me agarrando, pegando minha bunda com aquelas duas mãos enorme e me levando para um lugar mais isolado da rua. (só transamos com Roberto sem camisinha por ser uma pessoa do nosso relacionamento e de total confiança).

Entao comecei a sentir cada centímetro do seu pau me rasgando… E foi uma delícia.

Depois do susto ela voltou a fazer as coisas.

Vendo aquela cena Sérgio logo ficou com o pau duro novamente e veio para cima de mim. Mas, chegou na fazenda um tocador de rebanho,novinho que também gosta de ajudar nas compras de casa.

chegamos no apto de patricia ela ja estava pronta e fomos a festa chegando la umas 8.

Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal. Afastei meu seio dolorido da sua boca. E como esposa exemplar eu mamei e como vadia exemplar virei de costa e mandei meter o dedo no meu arinho e dei a bundinha até o cara gozar tudo dentro do cuzinho e fui pra casa e como fiz uma promessa a ele: logo dei um beijo com resíduos de esperma pra ele sentir o gosto e deitei no sofá de pernas abertas, puxo a calcinha pra ele ver a boceta e quando ele disse que queria que eu desse pra outro lhe prometesse três coisinhas…•. Curiosa, ela entrou e viu que era um apartamento pequeno.

Como ele era bem mais rápido, ele conseguiu me alcançar rapidinho, ele me agarrou e me apertou tão forte, que a parte de cima do meu biquíni, desabotoou e saiu na mão do meu irmão e ao sentir os meus seios nus, em contato com a sua pele, eu me arrepiei todinha, eu estava tentando, escapar das suas garras, quando senti que ele estava me em cochando, eu estava adorando, mas ele pegou o sutiã do meu biquíni e saiu correndo para dentro da casa, eu fiquei com os seios de fora e gritava, para que ele me devolvesse e parasse de gracinha.