Novinha Batendo Siririca Escondida

Novinha Batendo Siririca Escondida

Novinha Batendo Siririca Escondida

MOSCA: eu não gosto de sunga. Minha bunda doia, então eu não iria conseguir nem me sentar se quisesse.

imovel e completamente a merce deles, jogaram um pó branco em minha vagina,ficamos 3 dias sem nos falarmos até que uma noite…eu cheguei do trabalho as 3 horas da manhã e a casa estava toda apagada.

De repente, toda a minha excitação e a idéia de transar com ele voltaram à minha mente, me deixando completamente baratinada.

Passei a bater siririca todos os dias e em alguns dias mais de uma vez. Depois de transarmos por um bom tempo, fiz ela gozar muito no meu pau(que sensação maravilhosa)continuei metendo sem dó,ficava mais excitado vendo minhas bolas batendo naquele bumbum(e que bumbum)depois de meter muito, gozei feito um cavalo naquela boquinha gostosa(que cena excitante) ver meu leite escorrendo por todo seu corpo,muito bom. Nunca havia chupado, mas com a cara e a coragem fui abocanhando pouco á pouco aquela pica bem dura, sentindo o gosto, as veias grossas, aquela pulsada gostosa e meu amigo inclinava a cabeça pra trás na cadeira com os olhos fechados mole de tesão enquanto dizia quase sem folego “Nossa como isso tá bom! Caralho mano!""Pois bem , Adriana é uma Mulher Gostosíssima ,1,70 , cabelos encaracolados , uma bunda maravilhosa , seios no tamanho ideal e sempre durinhos e um par de coxas e um sorriso incontestável , a algum tempo trocamos olhares ” sacanas ” , um belo dia , estava eu em minha sala na hora do almoço , todos tinham descido para almoçar , bateram na porta e mandei entrar , advinha quem era ?? ela mesmo Adriana , toda gostosa e de cabelos soltos sorrindo com um batom super vermelho , entrou fechou a porta e falou se eu tinha um minutinho para ela , todos os minutos que vc precisar falei sem exitar , ela começou com sorriso sacana e trancou a porta na chave , logo depois começou a abrir o seu jaleco que ia até quase os joelhos , foi abrindo , abrindo até o último botão e ao abrir totalmente … pasmemmmmmm , ela estava Nua em Pelos , totalmente nua , sou todinha sua agora , quero meter com vc agora , ou se quiser me demitir me demite , ” mas me come antes ok ?”foi assim sem tirar nem por , confesso que meu pau até desceu tamanho a surpresa , mas logo em seguida ela se ajoelhou , eu já estava de pé , abriu o zíper da calça pegou meu pau com vontade e começou a chupar como uma potranca no cio , chupava e gemia ao mesmo tempo , derrepente se levantou , afastou alguns objetos da minha mesa e ficou de costas debruçada na mesa com aquela bunda maravilhosa e com a buceta raspadinha toda molhada de tesão , falando cheia de tesão , mete na minha xaninha , mete , eu já estava com a pica mais dura que qq coisa , meti de uma vez só , ela estava tão melada que quase nem senti atrito da minha pica entrando na buceta maravilhosa dela , fiquei socanado a pica nela e ela querendo mais e mais ela já estava gozando e eu já não estava aguentando mais então falei para ela , vou gozar fora , ela mais que depressa se ajoelhou e engoliu minha pica todinha até sentir o leitinho quentinho descendo em sua garganta , gozei muito na garganta dela , com as calças arriadas até o joelho , nem deu tempo para tirar , ela sugou até a última gota , depois ela se levantou , pegou algumas folhas de lenços de papel , limpou um pouco a buceta , pois estava super melada , vestiu o jaleco e falou no meu ouvido após me dar um beijo de língua que levanta qq defunto rsrs ,na próxima quero no cuzinho ele inteirinho , aí vc pode gozar com tudo dentro dele , e começou a se ajeitar com um sorriso mais sacana ainda , eu me ajeitei e passamos o dia nos entre olhando e eu com o pau duro querendo mais …. rnCaímos em risos e logo continuamos a conversar trivialidades enquanto tomávamos as cervejas e não demorou pra me sentisse um pouco tonta e ficar um pouco mais soltinha.

Vestiram-se e foram ver o que havia de novidade no sítio.

Desde quando eu era bem novinha, que comecei a me tocar, nas minhas partes intimas descobrir o que era sentir prazer, ai eu comecei a usar roupas curtas, para me exibir e mostrar todo o meu potencial feminino, deixando os meninos loucos de tesão por mim e foi num final de semana com feriado prolongado, que os meus pais foram viajar e para não ficar sozinha, eu fiquei na casa da minha irmã Mara, que era a irmã do meio, como eu só usava roupas curtas, acabei provocando o seu marido ao ponto de deixa ló doidinho por mim.

O apelido deixava o mulherio aflito… afinal, estávamos brincando ou o Alan tinha mesmo uma grande linguiça escondida pelas roupas?Meg me perguntou um dia.