Novinha engolindo leitinho depois da escola perfil dela

3719 visualizações

46 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

3719 visualizações

46 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

Novinha engolindo leitinho depois da escola perfil dela

Novinha engolindo leitinho depois da escola perfil dela

Ela veio, chegou do meu lado e tirou os óculos escuros, eu mostrei a foto e falei alguma coisa engraçada, e pedi pra adicionar o perfil dela.

ME PEGOU ANTES DAS 7, DIZENDO QUE ÍAMOS JANTAR FORA E DEPOIS PASSARÍAMOS NA CASA DE UNS AMIGOS PARA OUVIR UM SOM SUPER LEGAL. Estou louca para escapar com ele de novo, e ele tb.

Conforme eu comia seu cu, eu tirava o cacete, de vez em quando, colocava mais gelatina, e metia novamente.

Que língua poderosa ele tinha.

Em casa ninguém desconfiou, provas de vestibular são demoradas e não falaram nada, a noite com a conciência pesada dei um trato caprichado na patroa,não queria deixar rastros…Os próximos tres dias foram muito especiais para mim, me achando muito gostoso pensava afinal o que tinha feito para merecer uma novinha assim, uma coisinha tão gostosa.

No dia seguinte,eu e Danilo estavamos no parquinho da escola,era Domingo mas conhecíamos a zeladora e o parque ficava só pra gente,estavamos sozinhos e Danilo falou:Vamos descer no escorregador,você desce no meu colo. Contou VG:– Parecia uma vara grossa e comprida, para a qual minha mãe não parava de olhar. Não demorou muito e gozou feito uma cadela, urrando, gemendo e delirando de prazer com minha língua engolindo seu grelinho e os dedos dentro da boceta.

Depois ele pegou minhas mãos e colocou para eu segurar seu pau, eu comecei a punhetá-lo (rola super grossa). Aí não resisti e derramei todo o meu leitinho na cara delas.

Inclinei-me sobre ela, com a pica dura tocando seu sexo molhado de tesão por baixo, ela ainda de quatro e disse quase sussurrando em seu ouvido: O anal tem de ser bem devagar, quando você estiver bem relax e afim, aí você me põe dentro de você… Disse isso com a boca em sua orelha, senti ela arrepiar toda, alisei seu corpo, dos ombros até as coxas, passando pelas laterais dos peitinhos e da cintura, seu poros pareciam espinhos nas palmas de minha mão.