Pedreiro pegando filha do engenheiro da obra gatinha sapeca

15764 visualizações

15 min

Categoria:

Tag: , ,

15764 visualizações

15 min

Categoria:

Tag: , ,

Pedreiro pegando filha do engenheiro da obra gatinha sapeca

Pedreiro pegando filha do engenheiro da obra gatinha sapeca

E não se preocupe, meu marido sabe de tudo que rolou naquela época, viu? Apesar de ser engenheiro, ele tem a cabeça boa, mente aberta.

"Eu jurava que podia notar na forma como você me olhava o quanto você adorava essa brincadeira, só para sentir o meu pau duro esfregando na sua bunda e sentir as minhas mãos te pegando, apalpando, te apertando aqui e ali. ""Certo dia fui chamado por uma garota para fotografar o aniversário de um ano de uma sua afilhada! Nos contatamos primeiramente por facebook e depois de passar o orçamento por e-mail marcamos de nos encontar em sua casa para assinarmos o contrato.

Minha mãeEu ja tinha conseguido o que eu queria… anseava um pouco de carinho por parte dela, mas nao contava com isso, por isso soltei-a esperando que fosse embora! Para a minha surpresa, assim que a soltei ela voou em cima de mim e me deu um beijo de tirar o folego, era o primeiro beijo que a minha gatinha me dava! Cheguei a gozar de tanto que tinha esperado aquele momento! Depois ela me olhou no fundo dos olhos e chorando disse: “obrigado!!!” Eu estava realizada… e sabia que ela tambem estava! Ainda aos prantos ela fez a confissao: eu nunca em minha vida tinha conseguido chegar ao orgasmo, eu era virgem e nem com masturbacao… OBRIGADO!!!!!”Por outro lado, não me agradava em nada a idéia de ser corneado, pois nesse caso ao invés de fortalecer o relacionamento, ele estaria sendo destruído. Ela se deita de barriga para baixo com uma perna esticada e outra dobrada, isso deixa sua bunda empinadinha e eu vejo o volume da sua buceta que já esta molhada a espera do pau do papai, seu marido, chego a calcinha para o lado e passo o dedo pelo seu grelo molhado de tesão, vou esfregando mais rápido ate ela começar a gemer, ai coloco a língua dentro dela, e lambo ela bem gostoso, lambuzando minha boca com seu gozo, ela então me deita e beija minha boca passando seu corpo no meu, leva o bico do seu seios na minha boca para eu lamba ele quanto ela esfrega sua buceta no meu pau, então ela desce beijando meu peito, minha barriga ate chegar no meu pau rijo de tesão, ela lambe ele bem devagar passando a língua pela cabeça e olhando para mim com aquela carinha de menina sapeca, então ela poe ele na boca e chupa, aumentando a velocidade a medida que meu gemido aumenta, ela então para para que eu não goze e beija minha boca, sentando no meu pau, ele entra todo na sua buceta e ela senta rebolando bem gostoso, ela rebola cada vez mais gemendo e eu passo a mão pelos seus seios subindo ate sua boca, ela acelera baixa o corpo, me beija na boca e fala: – Goza na sua esposa. Galera, esse é meu primeiro conto e não sei se fiz direito! Eu sei que meu conto ficou um pouco longo, mas eu realmente espero que vocês tenham gostado! Não percam a parte 2!"olá, meu nome é Pa,ulo, já publiquei dois contos (reais) aqui neste site, e resolvi publicar outro… apás terminar o namoro com minha namorada e o tio dela, carlão, fiquei sem ter relaçao com outro homem uns 2 anos, até que um dia um amigo meu me convidou pra visitar a casa dele que estava em obras para dar uma olhada, acabei me atrasando e ao chegar lá o pedreiro luiz disse que ele já havia ido embora mas que eu podia dar uma olhada na obra mesmo assim, achei legal, e na hora nao pensei em nada com aquele homem, negro (tenho sorte com negros, que maravilha) 1,80m mais ou menos, ele mesmo foi me mostrando a construçao sá de bermuda todo suado, ai sim comecei pensar besteira… mas como havia um outro pedreiro o marcio (este nao era negro, era muito negro, um afro descendente puro e um pouco mais auto que luiz), entao nao dei bandeira e me controlei pra nao mostar minha excitação, no entanto o ao chegar no quarto de casal começamos a converçar, e o luiz começou a falar…” é aqui que o patrao vai comer aquela gostoza da patroinha… falei… é verdade, e começamos a falar sobre sacanagem, até que ele disse aquela celebre frase… mas o bom mesmo é comer um cuzinho apertadinho… nisso notei o volume dele e disse… mas duvido que alguem aguente teu cacete…, ele falou… é verdade , até hoge sá uma mulher aguentou, mas chegou a chorar , e também um viadinho, mas ele quase pediu agua, e o do meu primo o marcio é maior que o meu…falei ….